terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Uma Villa em Itália


O título... interessante… e eis que desperta a minha paixão por Itália e a minha veia classicista... Leio a contracapa e encontro esta frase "Quatro pessoas aparentemente sem nada em comum vêem o seu nome mencionado no testamento de uma mulher que não conhecem. Quem foi Beatrice Malaspina e porque exige que compareçam na sua villa em Itália?" E fiquei conquistada!

Comprei o livro e coloquei-o na minha longa lista de espera. Mas, um destes dias, uma segunda-feira chuvosa, escura, em que o meu estado de espírito ameaçava entrar em colapso, solidarizando-se com a intempérie, olhei para a estante em busca de um pouco de sol (acho que nunca senti tanto a falta do sol como este ano!) e encontrei esta villa em Itália. Decidi-me de imediato. Precisava de sol, de luz na minha alma. Descobri um enredo interessante, personagens que, pelos mais diversos caminhos, nos vão sendo apresentadas, tendo como destino a Villa Dante (até o nome da villa me fascinou).

De facto, um livro interessante, quente, acolhedor, com pinceladas de mistério e até de alguns momentos de angústia, tudo bem encaminhado… mas, a poucas páginas do fim, perde o fulgor e o desfecho precipita-se, quase que diria que se despenha. Um enredo como este merecia um final à altura, menos simplista. As próprias personagens mereciam mais. Foi este o sentimento que me invadiu, quando acabei de o ler. Esperava mais...

3 comentários:

flicka disse...

Olá!

Costumo visitar o teu blog com frequencia, dá-me prazer ler os teus comentários.

Tenho esse livro e será lido brevemente.

Tens um arco-iris no meu blog que é para ti, afim de colorir cada vez mais o teu maravilhoso blog!

:)*

Miar à chuva disse...

Deixei no meu blog um pequeno presente. Espero que gostes :-)
Sandra do blog Vidas Desfolhadas

Meggy disse...

Olá,
Quis o google que eu descobrisse a sua página quando procurava informações sobre a Vila Dante, do livro deste seu post, e, assim, descobri vários blogs interessantes, os seus e outros que por aqui viajam também.
Curioso:
- também sou uma Maggie, mas escrita com outra grafia (manias de ser diferente);
- também estou no ensino;
- também adoro ler, viajar, escrever...
- também adoro S.Pedro...
E voltarei a visitar o seu blog que já adicionei num dos meus.
Boas férias,
Margarida